Skip to content Skip to footer

MPT e MPF disponibilizam canal para denúncias de crimes eleitorais

O MPT (Ministério Público do Trabalho) e o MPF (Ministério Público Federal) estão divulgando em suas redes um canal para que os trabalhadores e trabalhadoras denunciem patrões que estão cometendo assédio eleitoral para força-los a votarem no candidato deles. Trocando em miúdos, estamos, em pleno ano de 2022, diante do chamado “voto de cabresto”. É inadmissível que o direito de o trabalhador e trabalhadora escolherem seus representantes seja negado.

Nos últimos dias, dezenas de ameaças neste sentido foram divulgadas. Tivemos desde tentativa de compra de votos, passando por ameaça de redução de investimentos, chegando ao ponto até de ameaçar os trabalhadores de demissão caso o candidato do empregador não vencer as eleições.

Caso o trabalhador se encontre diante desta situação, ele poderá denunciar o abuso nos seguintes canais:

  • Página da internet mpt.mp.br, clicando na aba Denuncie;
    • Página da internet mpf.mp.br, clicando na aba Eleitoral e, depois, selecionando a Procuradoria-Regional Eleitoral de sua região para, em seguida, clicar em Serviços ao cidadão e, por fim, em Representação inicial (denúncias).
    • Aplicativo “Pardal”, disponível para AndroidiOS

A Fetec-CUT-PR (Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Paraná), diante da gravidade da denúncia, paralelamente criou um canal para também auxiliar o MPT e o MPF a coibir essa ação fascista. O trabalhador e a trabalhadora que não quiser delatar diretamente para os órgãos públicos, poderá enviar um e-mail para assedioeleitoral@fetecpr.org.br.

A denúncia deve conter estes itens: nome da empresa assediadora; endereço; nome da pessoa que está cometendo o crime; provas da ação. A Fetec irá encaminhar estas denúncias junto ao MPT e MPF.

Por Flávio Augusto Laginski/Fetec-CUT/PR

Deixe um comentário

0/100

the Kick-ass Multipurpose WordPress Theme

© 2022 Kicker. All Rights Reserved.

Sign Up to Our Newsletter

Be the first to know the latest updates

[yikes-mailchimp form="1"]