História

UMA HISTÓRIA DE LUTAS

Em janeiro de 1957 um grupo de bancários londrinenses resolveu fundar uma Associação para organizar atividades esportivas e culturais, como forma de promover a confraternização entre os colegas e seus familiares. Alguns meses depois a Associação passou a se ocupar de outros assuntos, como a jornada de trabalho, condições de trabalho e outros problemas enfrentados nos bancos.

Daí surgiu a necessidade de transformar a entidade associativa em Sindicato de classe, o que ocorreu no dia 4 de maio de 1957, sendo legalmente reconhecido pelo Ministério do Trabalho em 26 de julho do mesmo ano.

Depois de integrado às lutas nacionais dos bancários, o Sindicato, assim como outros movimentos organizados da sociedade civil, como partidos políticos e a UNE (União Nacional dos Estudantes) e outros, sofreu a intervenção da Ditadura Militar de 1964. Foram 19 anos de uma administração descompromissada  com os interesses dos bancários.

Descontentes com esta situação, um movimento de bancários decidiu lutar pelo fim do atrelamento do Sindicato ao Regime Militar. O “Grupo de Estudos Bancários” assumiu este desafio e colocou como prioridade a retomada da defesa dos  interesses dos trabalhadores.

Com este compromisso, a chapa de oposição disputou em 1985 as eleições do Sindicato, defendendo os princípios da CUT (Central Única dos Trabalhadores) e mostrando aos bancários de Londrina e Região que era hora de romper com o sindicalismo de cartório, que até então vigorava. A partir desta vitória, o Sindicato conseguiu envolver os cerca de 10 mil bancários que atuavam na região na mobilização nacional, contribuindo para que a categoria se tornasse referência no movimento sindical. Esta organização foi fundamental para a conquista de direitos fundamentais da categoria, como os auxílios refeição e alimentação, auxílio creche/babá, plano de saúde, Participação nos Lucros e Resultados etc, e também viabilizou a fundação da CNB-CUT (Confederação Nacional dos Bancários).

SINDICATO CIDADÃO

O Sindicato dos Bancários de Londrina atualmente trabalha em prol dos interesses da categoria, mas não deixou de lado as atividades voltadas ao lazer e ao esporte, como o Baile dos Bancários e os campeonatos de futebol suíço e de futsal. Além disso, o Sindicato também participa, de forma efetiva,  de movimentos que buscam a cidadania dos trabalhadores, como os conselhos municipais de saúde, educação, trabalho, assistência social, dos direitos da mulher, da criança e do adolescente e em outros fóruns de discussão que visam conquistar a qualidade de vida para todos os brasileiros.

É  com este espírito de luta e dedicação que o Sindicato dos Bancários vem desempenhando sua função, contando sempre com engajamento e o respaldo da categoria, que é a razão de todo este trabalho desenvolvido ao longo dos anos.