CCV do Sindicato fecha acordo para ex-bancária do Itaú

José Ubiraci de Oliveira, coordenador da CCV, com a ex-bancária Ana Maria e o também diretor do Sindicato de Arapoti, Walter Carlos da Costa José Ubiraci de Oliveira, coordenador da CCV, com a ex-bancária Ana Maria e o também diretor do Sindicato de Arapoti, Walter Carlos da Costa
quinta-feira, 13/02/2020

A CCV (Comissão de Conciliação Voluntária) do Sindicato de Arapoti com o Itaú Unibanco celebrou nesta quinta-feira (12/02) o acordo da ex-bancária Ana Maria Barros Pereira, que aderiu ao PDV (Programa de Demissão Voluntária) aberto pelo banco.

Por meio desse instrumento, Ana Maria, que trabalhava na agência de Jaguariaíva, recebeu os valores correspondentes a pendências trabalhistas que tinha com o Itaú.

“A CCV é um canal rápido e sem custos para ex-funcionários que saíram do banco e não tiveram liquidados na rescisão do Contrato de Trabalho todo os direitos”, salienta José Ubiraci de Oliveira, diretor do Sindicato de Arapoti e responsável pela CCV.

José afirma que ninguém é obrigado a utilizar a CCV, que como diz seu próprio nome, é voluntária. “Basta manifestar interesse, procurar o Sindicato e apresentar as demandas. Depois o banco vai fazer uma proposta e daí cabe ao ex-bancário aceitar ou não os valores oferecidos”, acrescenta.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE