Aumento real nos salários é prioridade para bancári@s

A diretora do Sindicato de Londrina, Danielle Ruza, apresentou os resultados da Consulta dos Bancários A diretora do Sindicato de Londrina, Danielle Ruza, apresentou os resultados da Consulta dos Bancários
sábado, 21/05/2022

Na tarde deste sábado, a Conferência Regional do Vida Bancária continuou seus trabalhos com uma análise da Consulta feita com a categoria para apontar as prioridades de negociação com os bancos neste ano.

De acordo com 78% das respostas de 637 bancários e bancárias lotados nas bases dos Sindicatos de Apucarana, Arapoti, Cornélio Procópio e de Londrina, aumento real de trabalho é prioridade para a Campanha 2022. Também foram classificados como de alta prioridade o aumento do valor da PLR (Participação nos Lucros e Resultados), do piso salarial, bem como do VA (Vale Alimentação) e VR (Vale Refeição).

Sobre as cláusulas sociais, a manutenção dos direitos foi listada como prioritária por 54% dos bancários e bancárias que responderam à Consulta. Em segundo lugar, com 43% veio o emprego e em terceiro as condições de trabalho nos bancos.

Em relação à saúde, este levantamento apontou que 51% da categoria que preencheram os questionários teve Covid-19, sendo que 15% destes necessitaram de mais de 15 dias de afastamento do trabalho.

De acordo com a secretária de Saúde do Sindicato de Londrina, Eunice Miyamoto, grande parte dos bancários e bancárias que responderam à Consulta disseram ter cansaço e fadiga decorrentes do trabalho, demonstrando preocupação com a questão da saúde, que ficou em terceiro lugar nas prioridades para as negociações deste ano com os bancos.

“Estes são sinais de que a categoria não está mais aguentando as pressões e a forma como está o trabalho no banco, com muitas metas e a ameaça constante de demissão”, avalia Eunice, afirmando que diante dessa situação serão encaminhadas propostas para a Campanha deste ano para que seja ampliada por 24 meses a estabilidade no emprego dos bancários e bancárias que retornarem ao trabalho após tratamento de saúde,  obrigatoriedade da abertura de CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho), fim das metas abusivas, entre outras.

Propostas das bases do Vida

No final da Conferência do Vida Bancária foram debatidas e aprovadas as propostas gerais a serem encaminhadas para a 24ª Conferência Estadual dos Bancários, que será realizada no final de maio em Curitiba.

A Consulta definiu como prioridades na Minuta de Reivindicações deste ano os seguintes pontos:

- Reajuste: índice de inflação acumulada no período de 1º de setembro de 2021 até 31 de agosto de 2022 + 5% de aumento real nos salários;

- Implementação de gatilho automático para recuperar as perdas sempre que a inflação atingir 3%;

- Homologações das rescisões de Contrato de Trabalho da categoria bancária nos Sindicatos;

- Diferenciação no aumento do VA (Vale Alimentação) e VR (Vale Refeição) pela inflação dos alimentos;

- Melhorias na segurança dos bancos.


Eunice Miyamoto, secretária de Saúde do Sindicato de Londrina, fez um balanço das condições de trabalho
e da saúde da categoria

A Conferência do Vida Bancária foi encerrada com a aprovação das propostas para o evento estadual

 

 

 

 

 

 

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE